Entenda as diferenças entre desligar, hibernar, reiniciar e suspender

Há muitas opções para “pausar” o Windows. Cada uma tem pontos fortes e fracos. Conhecê-las a fundo permitirá escolher a melhor delas para cada situação.

Por que desligamos o computador? Por muitas razões. Às vezes, deixam de responder por causa de um erro. Outras vezes, temos que mover o PC a outro lugar. E quando queremos viajar, desligamos o computador para evitar gasto energético.

Abaixo, explico as características de cada estado de energia e quando convém usar cada um. Assim, você poderá fazer rapidamente uma boa escolha nas próximas vezes  que pressionar o botão ligar/desligar do PC.

Reinício ou reset: o solucionador de problemas

O reinício envia um sinal de desligamento seguido por outro de início; logo, os componentes não se apagam completamente. É como o retorno de uma máquina de escrever: você não precisa tirar as folhas, mas cria espaço para seguir trabalhando.

Reiniciar é útil para acabar de instalar aplicativos e atualizações do sistema operacional, mas, com frequência, não é um processo necessário, o que permite que você ignore os pedidos de reinício do Windows e de outros programas por um certo tempo.

Windows pede para reiniciar o computador após a instalação de atualizaçõesOdiosa janela que pede para reiniciar o PC e já começa uma contagem regressiva…

Para evitar reinícios indesejados, use utilitários como o ShutdownGuard, que bloqueia qualquer tipo de desligamento ou reinício não confirmados. Imprescindível se você teme confundir-se com as janelas abertas e reiniciar o PC sem querer.

ShutdownGuard impede Windows de reiniciar sem a sua permissão

ShutdownGuard evita que o PC se reinicie sozinho

Suspensão ou sono: uma pausa para economizar energia

A suspensão ou modo sono é um estado intermediário entre o desligamento e o funcionamento normal, uma espécie de sonambulismo informático. Ao ordenar a suspensão, o PC fica pronto para seguir trabalhando a qualquer momento.

O maior inconveniente da suspensão é que, se acabar a luz, você perde todo o trabalho. Por isso, inventou-se a suspensão híbrida, um estado no qual tudo o que há na memória é escrito no HD para ser recuperado em caso de desligamento acidental.

Caffeine mantém o Windows sempre em funcionamento

Caffeine é um utilitário que mantém o PC acordado quando você quiser

Para ativar a suspensão híbrida no Windows Vista, 7 ou 8, é preciso abrir as Opções de energia do Painel de Controle e, dentro da seção Suspensão (ou Sono), permitir a suspensão híbrida. Lembre-se de que a suspensão híbrida é mais lenta do que a suspensão normal, mas também mais segura.

A suspensão híbrida pode ser ativada no Windows 7

A suspensão híbrida é ativada nas Opções de Energia do Windows

Hibernação: sono profundo que não gasta energia

Trata-se de um estado de “sono profundo” no qual o PC é desligado por completo. Antes, o Windows grava no disco rígido o que há na memória. Ao ser ligado, tudo volta ao estado original. Ideal para laptops: se você tiver pouca bateria, pode desligar o aparelho sem ter de fechar programas.

Hibernar é uma grande saída para notebooks com pouco bateria

Esta opção costuma aparecer apenas em computadores com bateria como notebooks (fonte)

No entanto, a hibernação tem dois inconvenientes. O primeiro é que reserva no disco rígido um espaço equivalente à quantidade de memória instalada: se o seu PC tem 16GB de memória, esses 16GB ficarão reservados no disco. O segundo é que, se hiberna com muitas janelas abertas, o “despertar” pode ser lento e complicado.

Procure fechar aplicativos antes de hibernar. Por outro lado, se você sabe que não vai hibernar, pode desativar a opção para economizar espaço no disco rígido. Para fazer isso, vá às Opções de energia do Painel de Controle.

Desabilitar a hibernação pode ajudar a economizar bateria

Nas Opções de energia do Windows, você pode ativar ou desativar a hibernação

Desligamento clássico: uma solução extrema para problemas extremos

O desligamento não apenas fecha todos os programas e janelas, como também envia o sinal de desligamento ao equipamento: o PC já não consome energia e deixa de responder. Desligá-lo é útil quando você não vai usar o PC por um longo período.

calorosos debates sobre se é melhor deixar o PC ligado o tempo todo ou apagá-lo sempre. Obviamente, apagá-lo faz com que se consuma menos energia, mas também faz perder mais tempo toda vez que você começa a trabalhar.

Dado curioso: Há uma forma de ligar um PC sem pressionar botões. Chama-se Wake-on-LAN (WoL) e é uma técnica que consiste em enviar um sinal de ligar à placa de rede. Você pode experimentá-la em casa com o RemoteRebootX.

Interface principal do programa RemoteRebootX

RemoteRebootX é um utilitário avançado para ligar computadores a distância…

Desligamento híbrido: a via do Windows 8 para inicializações rápidas

O Windows 8 introduziu um novo estado intermediário entre o desligamento normal e a hibernação: o desligamento híbrido. Não é uma opção que se possa escolher de forma padrão, mas sim que se aplica cada vez que você clicar em Desligar no menu de energia. Diferentemente de um desligamento normal, consiste no fato de o Windows salvar parte de sua memória no disco antes de ser desligado.

Em alguns PCs, o desligamento híbrido (e a inicialização rápida) causa problemas. Para desativá-lo, você tem que ir às opções de energia (pressione Windows + X e, em seguida, escolha Painel de Controle). Uma vez ali, clique em Escolher o Comportamento dos Botões de Ligar e clique em Alterar a configuração atualmente não disponível.

Opções de energia do Windows 8

Uma vez ali, ao final da janela, você verá as opções de desligamento. Desmarque a de desligamento rápido (se estiver disponível). Isso fará com que o PC seja iniciado um pouco mais lento, mas evitará outros problemas de desligamento.

Desabilite a opção para desligar rápido do Windows 8A melhor opção para você depende da situação em que estiver

Segundo a situação na qual você se encontre, há opções de desligamento que convêm mais que outras. Se o seu PC é um notebook, suspendê-lo e hiberná-lo é a melhor escolha. No desktop, hibernar tem menos sentido.

Desligamento depende do que você precisa

Mesmo que não seja um desligamento, não se esqueça de que também pode bloquear o PC

Pessoalmente, recomendo desligar o PC apenas em casos de ausências prolongadas (ex: um dia). Em outras situações, a suspensão híbrida e a hibernação são alternativas válidas ao desligamento clássico.

O que você prefere: desligar, suspender ou hibernar o PC?

[Artigo original em espanhol]

Leia também:

Carregando comentários